Fuggire senza farci caso

Quando le montagne di nuvole crescono,
e la faccia della terra diventa piombo,
mi inabisso nei ricordi dell’estate,
di questo borgo in alta montagna

dove presente e passato camminan‘ insieme,
e il sole bacia i tetti delle case,
sfavillando nel agua del lago
come il gioiello della regina

Mi ricordo dei canti nelle stradine,
voci familiari nel mondo sconfinato,
si risvegliano le immagine pastelle
della piazza vivace nei notti stellati

del posto ‚ove lo straniero diventa casa,
e comincia la strada verso i nubi,
sotto quali la vita parla fra sé e sé,
ed io soffro del piacer‘ dolorosoriddente

Ripasso le mattine col profumo di pane,
il saluto degli olmi che mi porgono la chioma,
la gioia della finitezza illimitata
doméntre gli uccelli chiamaron‘ l’autunno

Ciascuna faccia passa davanti nella mente,
vedendo la cima lontana dal locale euronote,
si muove cogitabondo il mio sogno,
scappando via su verso i corsi estivi

a sperare, credere e mai dimenticare
la fedeltà dell’estate.

Photo by Sergei Akulich on Unsplash

A vida impossível

Isso é a minha primeira poesia portuguesa, ouvindo o murmúrio do mar.

Além do mar encontra-se um castelo de mármore,
bem escudo das ondas gigantescas,
para onde as minhas lembranças se dirigem,
quando a solidão preta me sobrecarga.

Ao longo das ruas orladas pelas palmeiras,
vagueio com a mente cheia de locura,
vejo o mar vastamente espumando,
e penso nos tempos perdidos,

Quando acreditava que a vida fosse um jogo simples,
que tivesse as chaves pro mundo nas minhas mãos,
você despedacou a esperança florescente,
que os meus passos nunca seriam sozinhos.

A ver o mundo, a conhecer a alma humana
é encontrar si mesmo no espelho,
A ver a ultima edema da floresta
é encontrar o fim da ternura.

Sonhando com os meus egos desbotados,
tomando um gole a este pedido,
suspiro o ar do mar com gozo,
e esqueço a ferida da minha vida,

Vejo-te numa bancada ao litoral,
onde ficas sozinha como fora eu,
tarde demais para um começo novo,
demais cedo para o último adeus.

Photo by d d on Unsplash